Maratona Netflix: The Crown

Sabe aquelas séries que faz você ver a História de um jeito muito mais interessante, essa é a “The Crown”. Escrita pelo roteirista do filme “A Rainha”, Peter Morgan, “The Crown” se passa no ano de 1947 e o ponto de partida é o casamento de Elizabeth II (vivida pela atriz Claire Foy), até então princesa, e Philip Mountbatten (estrelado por Matt Smith), antes de herdar a coroa aos 25 anos de idade devido à morte de seu pai, o rei George 6º. Ao longo desta primeira temporada (que estrou em Novembro de 2016), a série mostra como foi a vida da Rainha Elizabeth desde sua coroação repentina, até os seus íntimos pensamentos de uma jovem monarca que mal sabia o que estava prestes à enfrentar.

Assim, a série vai contra o que pode-se pensar antes de assisti-la (que é apenas mais uma série histórica) e nos mostra com abordagens envolventes os assuntos interessantíssimos que se passaram em Londres durante o começo do reinado de Elizabeth II. Além da rainha, “The Crown” aborda o cotidiano da princesa Margareth – que foi muito polêmica para a época, do príncipe e duque de Edimburgo, Phillip, e de muitos outros personagens importantes da monarquia inglesa, além de trazer a política e fatos históricos à tela com uma outra visão – muito mais provocativas e que nos prendem para uma ótima maratona de séries (a segunda temporada também já está disponível no Netflix).

Replica perfeita do traje de casamento da Rainha Elizabeth II.

Ao longo da série (de 10 episódios em cada uma das duas temporadas) – uma das mais caras da história, segundo o The Daily Beast custou 130 milhões de dólares, ainda é possível ver como é de grande valia a bagagem cultural do roteiro, feita com a abordagem de assuntos importantes citando nomes como Hitler, Stalin e outros, discutindo questões reais que muitos de nós estudamos, outras gerações participaram ou ouviram falar. E de trazer a tona temas que mal se falava naquela época, como o papel da mulher na sociedade, mas que teve representação simplesmente por ter uma mulher no poder. O cenário era bem diferente, entretanto, os episódios nos mostram como, em passos miúdos ainda, o assunto também era colocado em questão. E vale ressaltar que a terceira temporada já está confirmada!

Assista aqui o trailer da 1ª temporada (para não ter spoiler da segunda) e corre para o Netflix para conferir!