Os 15 hits inesquecíveis da música eletrônica

O mercado de música eletrônica para gays no Brasil é abastecido, anualmente, com dezenas de singles lançados pelas principais cantoras do segmento, entre elas, Nicky Valentine, Lorena Simpson, Amannda, Natalia Damini, Alex Marie, Paula Bencini, entre outras que movimentam o pequeno, mas lucrativo, espaço LGBT para e.music no país.

lorena_simpson_linda

Desde 2006, quando a cantora Amannda ganhou notoriedade, alguns hits são lembrados até os dias de hoje como verdadeiras “febres” das pistas, garantindo datas na agenda das artistas e um fiel público às brasileiras. Por isso, listamos os 15 maiores hits que movimentaram o circuito eletrônico nacional:

01. BRAND NEW DAY

Lançada em 2009, “Brand New Day” foi o single que projetou a cantora Lorena Simpson para o mercado nacional. Produzida por Filipe Guerra em parceria com Mister Jam, a faixa se tornou a maior entre os hits brasileiros para gays, chegando às rádios e fazendo de Lorena Simpson um dos maiores nomes para o circuito.

02. FALLING FOR U (Mister Jam ft. Wanessa)

O single, lançado em 2010, foi alvo de críticas, mas o responsável pela inclusão de Wanessa como um dos destaques para o meio pop e eletrônico no Brasil. Produzida por Mister Jam, “Falling For U” consolidou a cantora e tirou a imagem “pop romântica” trabalhaba por Wanessa em seus primeiros 10 anos de carreira.

03. BREATHE AGAIN (Filipe Guerra ft. Lorena Simpson)

Produzida por Filipe Guerra, “Breathe Again” foi a faixa responsável por dar continuidade ao sucesso de Lorena Simpson. Lançado no final de 2010, o single marcou a despedida de Lorena de sua antiga produtora e foi a última música lançada em parceria com Mister Jam, que seguiu suas produções ao lado de Wanessa.

04. SHAKE IT (Breno Barreto ft. Alex Marie)

Sem muitas pretensões comerciais, “Shake It” – com produção assinada por Breno Barreto, se tornou o maior sucesso do eletrônico em 2011. Também lançada em 2010, a faixa ganhou força nas pistas e projetou Alex Marie para o cenário nacional, sendo ainda hoje, um dos hits de maior execução nas baladas brasileiras.

05. GIVE IT TO ME (Alexxa)

Da mesma produtora de Lorena Simpson, Alexxa chegou ao mercado e transformou “Give It To Me” em um dos maiores hits já lançados para o segmento. A faixa ultrapassou a barreira das pistas e virou destaque nas principais rádios no Brasil.

06. MASOCHIST (Lapetina ft. Paula Bencini)

Paula Bencini viu sua carreira chegar à nível nacional com o lançamento do single “Masochist”, em 2011. A faixa produzida por Lapetina, ganhou força em 2012, quando o remix de Tommy Love virou febre entre os brasileiros, garantindo um acordo entre Bencini e o maior clube gay da América Latina, a The Week.

07. CALL ME BITCH (Patrick Sandim & Nicky valentine ft. Natalia Damini)

Duas das principais cantoras do segmento LGBT se uniram no single “Call Me Bitch”, Nicky Valentine e Natalia Damini. Nicky contou com a produção de Patrick Sandim e a participação de Damini na faixa, que virou febre nas pistas em 2012 e garantiu um dos clipes mais comentados do cenário eletrônico nacional.

08. TAKE A CHANCE (Filipe Guerra ft. LuGuessa)

Fora da MaxPOP, sua primeira produtora, o DJ Filipe Guerra aproveitou da altíssima popularidade gerada com os single “Brand New Day” e “Breathe Again” – ambos com Lorena Simpson – e lançou mais uma produção, apostando em um novo nome para o mercado de música eletrônica no Brasil. A faixa “Take A Chance”, lançada em 2010 com vocais de Lu Guessa, virou febre e se converteu no primeiro grande hit de Lu para o segmento nacional.

09. CAN U HEAR ME (Altar ft. Amannda)

Do Brasil para o mundo, “Can U Hear Me” – com produção assinada pela dupla Altar, ganhou força nas pistas nacionais, colocando Amannda novamente entre as cantoras de maior prestigio do segmento e levou o nome do Brasil para o mais importante chart música no mundo, a Billboard.

10. PISCES (Tommy Love ft. Natalia Damini – Pisces)

A junção de três dos maiores nomes do circuito eletrônico atual. A música de Tommy Love com vocais de Natalia Damini, e com remix assinado pela dupla ALTAR, garantiu um dos hits de maior movimento entre o final de 2012 e o primeiro semestre de 2013.

11. LOLLIPOP (Allan Natal ft. Joe Welch)

Apoiada pelo produtor Allan Natal, a cantora Joe Welch viu uma de suas músicas virar hit em todo o circuito, “Lollipop”, lançada em 2010. A faixa que marcou sua despedida do mercado, com uma pausa de dois anos, foi também o seu maior hit nas pistas brasileiras.

12. FEELING THE LOVE (Alahin ft. Natalia Damini) – Patrick Sandim Remix

Uma nordestina deu as caras no mercado de e.music no Brasil e, apoiada pela Ômega Hitz, converteu seu primeiro single em um sucesso nacional em 2011. “Feeling The Love”, que originalmente foi lançada em 2010, foi relançada com remix de Patrick Sandim, e incluiu a cantora no mercado como um dos nomes mais fortes do circuito.

13. THE MUSIC (Breno Barreto ft. Alex Marie)

O segundo single de Breno Barreto em parceria com Alex Marie teve sua promoção sustentada na imagem do DJ. “The Music” teve a importante missão de substituir o mega hit “Shake It” e manter os artistas entre o seleto grupo das celebridades de pistas, cumprida, e fez de Breno Barreto um dos nomes de maior expressão nas pistas nacionais.

14. SOUND OF YOUR VOICE (Altar ft. Amannda)

O primeiro grande single do mercado eletrônico com vocal de uma brasileira nasceu em 2007, quando Amannda lançou seu segundo single e o primeiro com a dupla Altar. Apoiada pelas drag queens – que dominavam o mercado com suas performances, “Sound Of Your Voice” foi a responsável por uma série de faixas lançadas até os dias atuais.

15. WHORT IT (Wanessa) – Mister Jam Remix

Passada a euforia com seu primeiro single para as pistas nacionais, Wanessa volta ao pop e lança “Worth It”. O sucesso da brasileira nas pistas projetou a faixa com o remix assinado por Mister Jam, que garantiu o segundo melhor single de sua carreira para as pistas nacionais, ficando por mais de cinco semanas consecutivas em primeiro lugar no HGM – ranking com as músicas mais influentes, feito por voto popular, da Ômega Hitz.

——–

Ômega Hitz LIVE TV!
Nicky Valentine – Sometimes